fbpx

Governo anuncia R$ 3,5 mi em equipamentos para segurança pública

Compartilhe!

Durante a inauguração do Departamento de Combate ao Crime Organizado (DRCO) , o governador Wilson Lima anunciou, para os próximos dias, um investimento de R$ 3,5 milhões de reais para a compra de equipamentos para serem empregados no combate a criminalidade no Amazonas.

“Vamos entregar micro-ônibus, novas viaturas, rádios satélites, miras holográficas; vamos entregar duas lanchas blindadas e vamos inaugurar a base arpão, no rio Solimões entre os municípios de Coari e de Tefé”, garantiu o governador.

Na semana passada Wilson Lima esteve em Brasília onde se reuniu com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. Entre os assuntos discutidos, destaque para o tráfico de drogas no Amazonas via rio Solimões. Tanto que parte do investimento anunciado hoje pelo governador, será destinado a base de fiscalização entre os municípios de Coari e Tefé.

“Essa base arpão terá apoio do Ministério da Justiça, que se comprometeu, junto com a Polícia Federal, em reativar a base anzol e também intensificar o trabalho realizado pelo Centro de Inteligência que aqui está instalado. E a gente vai continuar com esse rigor para que o tráfico de drogas não tenha espaço”, enfatizou o governador do Amazonas.

Governo anuncia R$ 3,5 mi em equipamentos para segurança pública
Governador inaugurou a nova sede do DRCO – Bruno Zanardo / Secom

Nova sede do DRCO

Pela primeira vez desde sua criação, em 2005, o Departamento de Combate ao Crime Organizado (DRCO) tem uma sede própria. Ela foi inaugurada nessa segunda-feira, dia 17, na avenida Brasil, na Compensa, zona oeste de Manaus.

Antes o DRCO funcionava dentro do prédio da Delegacia Geral, no bairro de Dom Pedro, na zona centro-oeste. Agora a nova sede possui 11 salas, recepção e três celas divididos em 540 metros quadrados.

“O departamento agora tem a nossa cara. Vamos continuar com o trabalho de excelência, de prestação de serviço público de qualidade”, enfatizou o titular do departamento, delegado Sinval Barroso.

Atualmente a equipe do Departamento conta com 19 investigadores divididos nas áreas de operações, busca eletrônica e análise criminal; além de quatro escrivães e cinco delegados, incluindo o titular.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *