fbpx

Paraguai entrega ‘Senhor das Armas’ à Polícia Federal brasileira

por Raphael

Na manhã desta terça-feira (18), a Polícia Federal recebeu das autoridades paraguaias um dos maiores traficantes internacionais de armas, conhecido como “Senhor das Armas”. A entrega do extraditando paraguaio aconteceu na Ponte Internacional da Amizade, em Foz do Iguaçu/PR.

O estrangeiro foi alvo da operação FRONTEIRA deflagrada pela Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro, em dezembro de 2020, com objetivo de prender traficantes internacionais de armas e drogas, responsáveis pelo envio dos ilícitos para o Brasil.

Leia mais: Suspeito de enviar armas para facção é preso no Paraguai

A investigação foi resultado de um trabalho integrado e de cooperação internacional das instituições brasileiras e paraguaias, que contou com a participação da Núcleo de Cooperação Policial Internacional (Interpol/RJ).

Na ocasião foram cumpridos 03 (três) Mandados de Prisão Preventiva e 04 (quatro) Mandados de Busca e Apreensão, expedidos pela 2ª Vara Federal Criminal de Volta Redonda/RJ, em desfavor dos investigados em Ciudad Del Leste, no Paraguai, e em Macaé, no Rio. Os mandados judiciais foram homologados pela Justiça Paraguaia, após Difusão Vermelha, que é a ordem de captura internacional no sistema da Interpol mundial – red notice.

O preso foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR, onde será comunicado sua detenção e, posteriormente, levado para uma unidade prisional.

O Paraguai permite a extradição de seus nacionais que cometem crimes em outros países, diferentemente do Brasil, que não permite a extradição de brasileiro nato.

Talvez você possa se interessar

Deixe um comentário

Quem Somos?

Somos jornalistas especializados em cobertura policial. Estamos no rastro dos crimes, acidentes e de todos os fatos policiais. Nós podemos até errar, mas tenha certeza que iremos corrigir!

©2022 Todos os Direitos Reservados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais