fbpx

Suspeito de matar ‘colega de facção’ se entrega em delegacia

Compartilhe!

Paulo Martins da Costa Filho, de 29 anos, foi preso nesta quinta-feira (13), por envolvimento na morte de Luís Felipe Dias Lima, 26, que foi assassinado a tiros no dia 28 de maio de 2021. 

O suspeito deu apoio para o Gelson Ramos, vulgo ‘sombra’, que também já foi preso em dezembro de 2021, apontado como responsável de efetuar os disparos contra a vítima. 

De acordo com o titular da Delegacia de Homicídios, Ricardo Cunha, Paulo se entregou na delegacia acompanhado de um advogado. Ele confessou o crime e disse que o homicídio foi motivado por um briga com a vítima, pertencente a mesma facção dos acusados.

“A motivação do crime teria se dado pelo fato de Luís Felipe pertencer à mesma facção criminosa dos infratores, e estar levando problemas que estavam chamando a atenção da polícia para aquela área da cidade”, explicou Cunha.

Entre os problemas que a vítima estaria trazendo, uma delas seria comprometer o tráfico na região. “Ela (a vítima)estaria trazendo problemas pra facção criminosa junto ao bairro Redenção, Felipe estava portando armas de fogo, fazendo disparos em via pública, trazendo a polícia pra região, incomodando o tráfico de drogas naquele local, e por essa razão ele foi executado”, completou o delegado. 

O suspeito será encaminhado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), para audiência de custódia, onde ficará à disposição da justiça.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *