fbpx

Médico é preso após matar cachorro por fazer xixi no ‘lugar errado’

Compartilhe!

Leopoldo Felippe, de 30 anos, um médico anestesista, foi preso após agredir e matar um cachorro de 6 meses da raça Spitz Alemão, na última segunda-feira (10), no prédio em que morava, no bairro Cancelli, em Cascavel, na região Oeste do Paraná

Vizinhos chegaram a ouvir o choro do cachorro e filmaram a situação pelo lado de fora do apartamento, mas o vídeo não foi divulgado. Com o barulho das agressões, uma vizinha grita “Meu Deus, vai matar o cachorro!”, mas o médico não responde. Pouco tempo depois ele aparece com o animal nos braços desacordado e o leva para uma clínica. 

A polícia foi acionada pelas testemunhas, que entregaram as imagens para as autoridades. Na delegacia, o homem ainda tentou negar as agressões, dizendo que o animal teve um mal súbito, Mas exames de necropsia apontaram uma hemorragia intracraniana severa por traumatismo cranioencefálico. 

Já na delegacia, o homem confessou o crime. “Ele falou para a Polícia Militar que o cão tinha feito xixi no lugar errado. Durante o interrogatório, negou que teria agredido o filhote e teria dito que ele teve um mal súbito. Mas as imagens são bem fortes e comprovam o crime de maus tratos. Por isso, a gente sempre reforça a importância de sempre denunciar”, disse o delegado Matheus Loiola.

O suspeito permanece preso até passar por audiência de custódia. Leopoldo também teve um segundo animal de estimação resgatado por uma ONG.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *