fbpx

Saúde da Mulher: Cuidados que passam de mãe para filha

por policia24h

Conteúdo de responsabilidade do anunciante

O mês de março marca um período de atenção especial à saúde da mulher, sendo dedicado à campanha de prevenção e combate ao câncer do colo do útero, o mais frequente na região Norte. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a projeção para Manaus é de 580 casos novos, até o final de 2022.

O câncer do colo do útero é causado pela infecção persistente de alguns tipos oncogênicos do Papilomavírus Humano – HPV. A infecção genital por esse vírus é frequente e, na maioria das vezes, não causa a doença. As alterações celulares que evoluem para o câncer podem ser descobertas facilmente, no exame preventivo (conhecido também como Papanicolau) e são curáveis na maioria dos casos. Por isso, é tão importante a realização periódica deste exame, um cuidado necessário que deve ser incentivado entre as mulheres e passado de mãe para filha.

Apenas em 2021, mais de 180 mulheres morreram em decorrência do câncer do colo do útero em Manaus. No ano anterior, foram 200 mortes. Com o intuito de evitar estes números e garantir cada vez mais apoio às mulheres, a prefeitura vem intensificando a oferta de consultas, exames e outros serviços, em suas unidades de saúde, com amplo acompanhamento.

Neste mês, com a mobilização do “Março Lilás”, o foco é incentivar a busca por uma Unidade Básica de Saúde (UBS) e a realização do exame preventivo, atraindo mulheres principalmente dos 25 aos 64 anos. Também estão no foco homens trans (pessoas do sexo feminino que se identificam com o gênero masculino). A ideia é garantir a identificação precoce de lesões relacionadas ao câncer do colo do útero e o tratamento oportuno, aumentando as chances de cura.

Além das UBS mobilizadas para atrair e conscientizar este público, com orientações sobre medidas de prevenção e tratamento, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) também terá ações em parceria com pastas de amplo público, como a da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc) e a de Educação (Semed), com esta última, inclusive, com escopo de ampliar a vacinação contra o HPV de meninas de 9 a 14 anos e de meninos de 11 a 14 anos.

O mês é de prevenção. Seja você mãe ou filha. Faça o preventivo. Procure a UBS mais próxima em: semsa.manaus.am.gov.br.

#ElasSeCuidam

Secretaria Municipal de Comunicação

Talvez você possa se interessar

Quem Somos?

Somos jornalistas especializados em cobertura policial. Estamos no rastro dos crimes, acidentes e de todos os fatos policiais. Nós podemos até errar, mas tenha certeza que iremos corrigir!

©2022 Todos os Direitos Reservados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais