fbpx

População se sente insegura em Manaus mesmo com queda no número de roubos

Compartilhe!

Quem é morador de Manaus certamente já foi assaltado ou conhece alguém que já passou por essa experiência assustadora e traumática. A sensação de insegurança entre a população é grande, apesar dos números oficiais mostrarem uma redução no número de roubos este ano em relação ao ano passado.

Segundo dados do Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp), divulgados pela Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP), os assaltos a pedestres, veículos e residências caíram de 27.972 casos entre janeiro e agosto de 2019, para 22.929 ocorrências no mesmo período deste ano.

A redução foi de 18%. Uma queda considerável, segundo a SSP. Porém, na ponta dessa estatística está o cidadão que não percebeu que 5.043 pessoas deixaram de ser assaltadas em Manaus de Janeiro a Agosto deste ano.

O universitário Carlos Eduardo da Silva não teve a sorte de ficar incólume aos criminosos. Na última segunda-feira (12) ele foi assaltado na porte de um shopping na zona Leste de Manaus.

“Foi tudo muito rápido. Eu saí do shopping e comecei a caminhar por uma rua, em direção a minha casa. Foi quando eles chegaram e anunciaram o assalto. Um deles parecia ser menor de idade e estava bastante nervoso. Ele fugiram a pé levando meu celular e a minha sacola com compras, contou Carlos.

Esse trauma vivido pelo estudante será levado a mais pessoas da sociedade: parentes, amigos, vizinho. Isso gera a sensação de insegurança da população, principalmente pela perda material e pelo medo que ficará instalado na cabeça dessa vítima. “A gente se sente mal, sabe? Fiquei muito revoltado, porque só eu sei o sacrifício que fiz pra ter esse aparelho celular, que foi levado em questão de segundos por esses bandidos”, desabafou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *