fbpx

Combate ao narcotráfico fluvial tem investimento de R$ 11 mi

Compartilhe!

Com o objetivo de combater o narcotráfico e ações de piratas nos extensos rios do Amazonas, a Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM) investiu mais de R$ 11 milhões em equipamentos e pessoal para atuar no policiamento fluvial e operações estratégicas contra os crimes fronteiriços.

Com a implantação da base fluvial Arpão no município de Coari (a 363 quilômetros de Manaus), a entrega de lanchas blindadas e de transporte de tropa, o sistema de segurança ampliou as condições de atuar em operações policiais nas comunidades ribeirinhas, o que também se refletiu no aumento da apreensão de drogas. Só na Base Arpão, por exemplo, quatro toneladas de entorpecentes foram apreendidas em menos de um ano de trabalho.

Segundo o secretário de Segurança Pública, coronel Louismar Bonates, uma das maiores preocupações do Governo do Estado tem sido o policiamento fluvial. “O Estado nunca teve esse poder de combate. Investimos na Base Arpão e nessa frota de lanchas blindadas e de embarcações, que melhoram as condições de trabalho das nossas forças policiais nos rios, que eram frequentemente usados pelos traficantes”, disse.

De acordo com o Departamento de Planejamento e Controle de Projetos e Convênios (Deplan), foram adquiridas cinco lanchas blindadas. Das cinco lanchas, duas são utilizadas por agentes da base Arpão. Outras três já foram recebidas e devem começar a operar nos próximos meses.

Para armar os policiais que atuam contra o narcotráfico, foram adquiridas 21 metralhadoras israelenses. As armas serão utilizadas junto às embarcações blindadas, dotando as forças de segurança pública de uma estrutura inédita para combater o narcotráfico.

Outra novidade importante foi a aquisição de lanchas para transporte de tropas. No último dia 12 de março, o policiamento fluvial ganhou mais um apoio, com a entrega da lancha de transporte de tropa.

Segundo o Deplan, mais quatro lanchas desse tipo, com 24 lugares, estão em fase final de produção. Fruto de recurso estadual, uma lancha de transporte de tropa com 66 lugares também foi encomendada. Essa frota hidroviária deve começar a operar no segundo semestre deste ano.

One thought on “Combate ao narcotráfico fluvial tem investimento de R$ 11 mi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *