fbpx

Rocam prende três e apreende arsenal com 14 armas

Compartilhe!

Três homens apontados como do alto escalão de uma facção criminosa foram presos com um verdadeiro arsenal de 14 armas, todas apreendidas em uma ação realizada por policiais militares da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam) na avenida Buriti, bairro Monte das Oliveiras, zona Norte de Manaus. Uma quantidade média de entorpecentes e dinheiro também foram encontrados com os suspeitos.

A grande apreensão aconteceu na noite desta quinta-feira (22) após a equipe policial atender uma denúncia anônima, que lhes informou sobre uma grande reunião de bandidos ocorrendo no local, inclusive com venda de entorpecentes. Com os suspeitos foram apreendidas armas de fogo variadas, que incluíam revólveres, pistolas, armas caseiras e rifles e submetralhadora.

Leia mais: Rocam prende homem com vários tabletes de maconha

O Secretário de Segurança do Amazonas, coronel PM Louismar Bonates esteve na sede do 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), no bairro Cidade Nova, onde concedeu coletiva para os jornalistas presentes sobre as prisões e o arsenal de armas apreendido pela Rocam.

“Foi preso nesta noite o “Churuca do Japiim”, responsável pelas invasões que vêm ocorrendo na zona Norte de Manaus. Com as apreensões que têm sido feitas pelas polícias civil e militar, os bandidos têm passado a investir nas invasões”, destacou o secretário.

Bonates ressaltou os trabalhos que têm sido realizados pela secretaria contra a ação de bandidos que insistem em invadir áreas públicas de terras na zona Norte da capital do Amazonas, se aproveitando da fragilidade de muitas pessoas necessitadas para lucrar e exercer domínios nos locais. Bonates pediu que a população denuncie as invasões logo no início para que a Polícia impeça seu estabelecimento.

Contra “Churuca” pesam anotações criminais que incluem um homicídio e três processos por tráfico de drogas, além de ser foragido do sistema prisional. Os demais detidos também respondem a procedimentos na Justiça por tráfico de entorpecentes.

Rocam apreende arsenal após denúncia anônima

O comandante da ação informou que a equipe de policiais recebeu uma denúncia anônima orientando sobre um grupo de indivíduos fortemente armados que estavam traficando entorpecentes em via pública. Segundo o oficial, na chegada da viatura, vários participantes da “reunião” fugiram ao perceber a aproximação da guarnição.

Mesmo assim, 14 armas de fogo foram apreendidas e levadas até a unidade policial, onde foram apresentadas as evidências e os presos. Os detidos pertencem a uma facção criminosa e não informaram qual o motivo da reunião entre o grupo de foras-da-lei.

Dois dos presos utilizavam tornozeleria eletrônica no momento da prisão. O terceiro, que também deveria fazer uso do dispositivo, removeu o equipamento, violando uma das condições de uso.

O caso foi entregue à Polícia Civil, que deve seguir com os procedimentos cabíveis relacionados à autuação dos detidos.

Imagem: Gisely Guedes / Reprodução Portal Tucumã

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *