fbpx

Três homens são presos com duas toneladas de skunk

Compartilhe!

Três homens foram presos na manhã desta quinta-feira (01/04) em uma embarcação onde a Polícia encontrou duas toneladas de maconha do tipo skunk, no município de Tefé (AM), distante 523 quilômetros de Manaus.

A prisão foi coordenada pelo Departamento de Investigação Sobre Narcóticos (Denarc), com apoio do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera), Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Tefé e Receita Federal (RF).

A polícia encontrou o entorpecente após receber uma denúncia anônima, informou o secretário de Segurança do Amazonas, coronel Louismar Bonates em coletiva de imprensa realizada no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), em Manaus.

De acordo com o mandatário da pasta, o trabalho que levou à grande apreensão ocorre em barcos que não passam pela base Arpão, importante posto de vistoria fluvial na região.

“Um ribeirinho trouxe a informação de ter visto um barco em atitudes suspeitas. Os policiais foram atrás dessa embarcação, fizeram a abordagem e tivemos a sorte de pegar essas drogas”, disse.

Segundo o delegado Paulo Mavignier, diretor do Denarc, grande parte das drogas abasteceriam o mercado doméstico, embora não esteja descartada a possibilidade parte do entorpecente possivelmente abastecer outros destinos. A Polícia não tem, no entanto, informações de que o entorpecente

Mavignier explicou como chegaram até os pacotes de maconha, que foram encontrados armazenados em um fundo falso da embarcação.

“O cão farejador conseguiu localizar onde a droga estava. O barco tinha péssimas condições de conservação e foi usado apenas para transportar as drogas. Ele não iria viajar novamente e ficou ancorado em Tefé”, disse o delegado.

O prejuízo estimado aos criminosos gira no valor de R$ 16 milhões ao tráfico de drogas no Amazonas. Os presos ficarão à disposição da Justiça após o término dos procedimentos policiais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *