fbpx

Comércio era usado para vender cocaína na fronteira

Compartilhe!

Um homem foi preso na manhã desta quinta-feira (22), com mais de um quilo de cloridrato de cocaína em um comércio usado com disfarce para a venda do entorpecente, localizado no município de Tabatinga (AM), distante 1110 quilômetros da capital Manaus, na fronteira com Letícia, na Colômbia.

Carro, motos e até uma réplica de fuzil foram apreendidos na ação realizada pela Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam) no município fronteiriço.

De acordo com a Polícia, a ocorrência teve início durante patrulhamento na rua Marechal Malet, Centro de Tabatinga, quando recebeu denúncia de que um estabelecimento comercial estaria sendo utilizado para camuflar a prática de tráfico de entorpecente.

A equipe se deslocou ao local informado e percebeu muito nervosismo por parte do responsável pelo estabelecimento, provocando desconfiança nos policiais da guarnição. O indivíduo foi abordado e revistado pelos militares que, sem encontrar nada com o homem, seguiu para o armazém do comércio, onde foi encontrado 1,5 quilo de cloridrato de cocaína, munições, e até um colete balístico.

Leia mais: Rocam apreende armas, drogas e munições em Tabatinga

Além dos objetos, os policiais também apreenderam um carro, duas motocicletas, dois rádios portáteis, uma réplica de fuzil modelo M16, e uma quantidade de dinheiro em espécie.

O suspeito, que não teve a identidade revelada, recebeu voz de prisão e foi conduzido para a 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil (DRPC) do município de Tabatinga, onde foi apresentado, junto com todo o material apreendido. para os procedimentos cabíveis.

Ele deve ser autuado em flagrante por tráfico de entorpecentes e porte ilegal de munição. A origem dos bens que não possuíam documentação também deve ser investigada posteriormente durante o inquérito a ser produzido pela Polícia Civil.

Uma longa lista de objetos foi entregue após apreensão realizada pela Rocam, sendo eles:

  • Um quilo e meio de substância entorpecente, supostamente cloridrato de cocaína;
  • um colete balístico de origem estrangeira;
  • uma réplica de fuzil modelo M16;
  • uma munição calibre 7,62, não deflagrada;
  • oito munições, calibre .25, de origem peruana;
  • R$ 4.678,00 (quatro mil e seiscentos e setenta e oito reais) em espécie;
  • dois celulares;
  • uma motocicleta modelo PCX 160cc sem documentação;
  • uma motocicleta XRE 300cc de cor branca, sem placa nem documentação;
  • um SUV modelo Jeep Compass preto, sem documentação;
  • uma SmartTV de 50 polegadas’;
  • um lava jato portátil;
  • dois radiocomunicadores portáteis;
  • uma caixa de som com mesa de mixagem acoplada.

A estimativa da polícia é que o prejuízo total ao crime chegue a R$ 400 mil reais com a ação, que é parte da Operação Hórus, voltado a combater as regiões de fronteira, que inclui o intenso comércio de cocaína e maconha que entram do País vizinho por Tabatinga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *