fbpx
Carregando

Tipo de busca

Grande Repercussão Home

Homem que se envolveu em briga de trânsito com PM não é tenente do Exército

Avatar
Compartilhar

Na segunda-feira, dia 10, um vídeo ganhou o noticiário e as redes sociais, mostrando o que seria o desentendimento de um tenente do exército com um policial militar, em plena avenida Constantino Nery, na zona centro-oeste. Hoje, o homem que se identificou como militar das Forças Armadas foi desmascarado. Ele é dono de uma empresa de terraplanagem e filho de um militar aposentado.

O caso ganhou bastante repercussão com o vídeo divulgado nas redes sociais e por programas de televisão local. Hoje, foi na própria rede social, que o gerente comercial Miguel Lúcio Castro de Souza teve sua identidade revelada.

Homem que se envolveu em briga de trânsito com PM não é tenente do Exército
Miguel Lúcio é filho de tenente aposentado do Exército – Reprodução

Segundo conhecidos de Miguel Lúcio, o pai dele é que foi tenente do exército. O Próprio Comando Militar da Amazônia (CMA) emitiu nota informando que nenhuma das três pessoas que aparecem no vídeo pertencem “as fileiras do Exército Brasileiro”.

Um amigo de infância de Miguel Lúcio falou mais sobre ele no áudio abaixo.

Em áudio, amigo de Miguel Lúcio conta sobre a audácia dele – Divulgação

Tentamos entrar em contato com Miguel Lúcio pelos números 99*97-161* e 9813*-*116, mas a chamada ou não completa ou a ligação não é atendida.

O vídeo

Ontem, várias pessoas receberam um vídeo de pouco mais de um minuto que mostra o final de uma perseguição em plena avenida Constantino Nery. A confusão aconteceu na manhã do sábado, dia 8.

Nas imagens, um homem em uma picape fecha um outro carro em frente a Arena da Amazônia. Os dois veículos param e o motorista da picape desce acompanhando de uma outra pessoa filmando em um celular.

As imagens mostram o motorista, um senhor de cabeça branca, partindo para cima do motorista do outro carro, que permanece sentado e com uma pistola em punho. Nesse momento o senhor de cabeça branca esbraveja perguntando ao outro motorista porque ele apontou a arma minutos antes.

Acuado com a situação, o motorista com a pistola tem a porta de seu carro aberta e o senhor de cabeça branca começa a gritar “Tu sabe quem eu sou? Tu sabe quem eu sou?” e já foi abrindo a porta, puxando a camisa do motorista armado e exigindo que ele se identificasse.

Vídeo foi feito no sábado e, nele, homem se identifica como tenente do Exército – Divulgação

O motorista que estava armado deixa a pistola no console, exibe a identidade e fala para a pessoa que filma que ele era policial militar. Nesse momento o homem de cabeça branca se identifica como tenente do exército, joga o RG do PM no colo dele e vai embora.

Até esse momento, todos imaginam que realmente a confusão envolvia dois militares. O PM motorista do carro menor e um tenente do Exército, que estava na picape. Mas, hoje, a farsa de Miguel Lúcio veio a tona.

Resta saber o que vai acontecer a partir de agora pois Lúcio, além de mentir sobre sua identidade, que pode ser considerado crime de falsidade ideológica, também afrontou um policial armado e o humilhou publicamente.

Tags:

Você também poderá gostar

47 Comentários

  1. Avatar
    Alberto Netto 11 de fevereiro de 2020

    Acho que esse senhor deverá ser processado por ameaça injúria e falsidade ideológica, se eu fosse o policial militar eu faria um boletim de ocorrência contra ele.

    Responder
    1. Avatar
      Raimundo 40mm 14 de fevereiro de 2020

      Tem que arrumar uma tocaia e finalizar esse comédia para que não aconteça mais

      Responder
  2. Avatar
    EBSON OLIVEIRA 11 de fevereiro de 2020

    Quando o pm vai ser acionado na corregedoria por ficar apontando a arma pros outros na rua? Se essa porra dispara ele iria alegar o que? Demência? A regra é clara. Se é desequilibrado você não pode portar arma. Ponto.

    Responder
    1. Avatar
      Johnata Santos 12 de fevereiro de 2020

      O Policial agiu certo. Já por ser PM sua vida SEMPRE estará em jogo, SEMPRE! Pessoas que criticam é pq não sabem o mínimo sobre a vida de um militar! Alerta 24h, qualquer deslize… sua vida é ceifada.

      Responder
      1. Avatar
        Hslfe 13 de fevereiro de 2020

        Então é normal apontar uma arma par alguém que dá uma fechada?
        A arma deve ser usada para defender a integridade do policial e não para ameaçar. Ali, no momento que o cara foi pra cima dele ele nem apontou a arma, sabe porque ? Porque ele viu que fez merda ao apontar a arma a primeira vez, que foi desnecessário.

        Responder
    2. Avatar
      Iv 12 de fevereiro de 2020

      O policial está correticimo pois ele não é só policial no momento exercício .

      Responder
    3. Avatar
      Laercio 12 de fevereiro de 2020

      Agir por impulso causa as piores situações na vida de uma pessoas, vemos aí algo que podemos tirar uma lição de vida.

      Responder
    4. Avatar
      Fabio 13 de fevereiro de 2020

      Eu te pergunto e se ele disparasse na cara do valente antes de ele fechar o carro, qual seria o discurso, eu falo o seguinte esse policial mesmo sendo humilhado ele está de parabéns, porque se é no Rio de Janeiro com essa fechada o polícia já iria sair com ela em punho e disparando na cara do valentão sabe porque aqui além do polícia ganhar muito mal se ele não reage morre.

      Responder
  3. Avatar
    Larissa 12 de fevereiro de 2020

    Os dois estão errado um por que mentiu e o outro por que apontou uma arma só por que é policial e acha que pode tudo, eai se o cara realmente fosse tenente, o cara do carro menor ia levar um advertência, mas como o cara mentiu quem saiu como certo nessa história só foi ele ..DOIS ESTÃO ERRADO E PONTO FINAL

    Responder
    1. Avatar
      Fernando 12 de fevereiro de 2020

      Vc viu ele apontar a arma?
      Todos os policiais andam com.a arma no colo ou na perna em quanto dirige
      Comentário de quem não sabe e de nada, quando não tem.o que falar e melhor ficar calada do que dar merda

      Responder
      1. Avatar
        jonh cost 12 de fevereiro de 2020

        Cara sabemos como a policia militar age não é nenhuma novidade lembrando que, após se envolver em uma discussão durante uma prévia carnavalesca no último fim de semana, o policial José Wilton, da Força Especial da Polícia Militar de Colinas, no Maranhão, sacou a arma de fogo e causou tumulto entre os presentes, oque dá muito medo, além de policiais militares armados com fuzil invadiram a casa de uma moça recém- operada do rim mesmo sendo avisados previamente a moça foi parar no hospital é quase perde o rim que tinha acabado de transplantar o policial apontou o fuzil, além de inúmeros casos de abuso.

        Responder
      2. Avatar
        Marizete de Oliveira 13 de fevereiro de 2020

        Vdd o Policial devia ter metido bala nele do jeito que ele tratou o policial arrogante e nogento polícial manteu a calma apoio a polícia quem não gosta de polícia e marmita de bandidos

        Responder
        1. Avatar
          André 13 de fevereiro de 2020

          Será que ele não ficou foi com medo ?
          Provável que o cara já desceu com a falsa carteira de tenente em mãos, aí o PM viu e pensou “caralh# que merda eu fiz kkkkkkkk

          Responder
    2. Avatar
      Carlos 12 de fevereiro de 2020

      Sua resposta é pertinente! Vai ser policial nesse país, e se depara com um maluco desse que ele se deparou,só Deus e ele sabe o porque apontou a arma minutos antes pra esse vagabundo que se dizia ser militar do exercito e ainda com outro vagabundo filmando…teve sorte de não levar umas balas no peito. Criticar é muito bom,vá pra o lugar do PM…

      Responder
    3. Avatar
      Edson 12 de fevereiro de 2020

      Como você diz que os dois estão errados? Você não sabe sobre o mínimo sobre segurança pra falar uma asneira dessa, ou não viu direito o vídeo, o carro branco fez uma abordagem brusca, típico de bandidos em execução, ele tem que fazer isso por questão de segurança sim, ele está apto pra isso, até então era algo que ameaçava ele, depois que ele percebeu que era um IDIOTA COVARDE!

      Responder
    4. Avatar
      Danielle silva e silva 12 de fevereiro de 2020

      Não fala o que vc não sabe Larissa tu viu ele aponta a arma idiota presta atenção primeiro pra poder vc falar se fosse com vc queria ver vc dizer isso
      Falar merda fica calada abestada,se fosse um policial de cabeça quente tinha sacado a arma em cima de velho safado e mentiroso desse

      Responder
    5. Avatar
      Leonan 13 de fevereiro de 2020

      Adevertencia? Vem pro RJ meter a mão na camisa do PM pra ver se não fica esticado

      Responder
    6. Avatar
      Leandro Silva 13 de fevereiro de 2020

      Só faltou vc entender um pouco mais do tema que vc quer dar a sua opinião, o civil que se diz militar no vídeo diz que ele apontou a arma o que não se vê em momento nenhum do vídeo.

      Responder
    7. Avatar
      Ailton Araujo 15 de fevereiro de 2020

      Estes comentários são tão infantis. Não vejo em nenhum momento a comprovação de que o policial apontou a arma pra alguém. O que vimos foi um dito valentão atentando contra a própria vida, e se fosse aqui no Rio de Janeiro este falso oficial do EB não estaria mais contando história

      Responder
  4. Avatar
    Francisco 12 de fevereiro de 2020

    Quem prova que o policial aponto a arma pra ele isso é que ele tá falando

    Responder
  5. Avatar
    Frederico Barboza de Albuquerque 12 de fevereiro de 2020

    Temos as imagens apenas de um, agindo de forma criminosa, que é o charlatão do empresário.

    Responder
  6. Avatar
    Alano jorge 12 de fevereiro de 2020

    Todos tao errado

    Responder
  7. Avatar
    Romildo Vieira 12 de fevereiro de 2020

    O policial teve sangue de barata, eu tinha atirado na cara desse vagabundo mentiroso, depois ia pra audiência de custódia, ou a justiça militar. Com certeza não ia pegar nada pro PM.

    Responder
  8. Avatar
    Edivaldo souza 12 de fevereiro de 2020

    Grande merda se ele é do exército agora tem que pagar pela merda que fez

    Responder
  9. Avatar
    Arievilo 12 de fevereiro de 2020

    Esse camarada nasceu denovo porque se é um vagabundo ele tinha tomado tiro demais ou se fosse um policial com mais disposição sem saber se era um assalto ou outra coisa qualquer esse machão aí estaria tomando banho no inferno

    Responder
  10. Avatar
    Diego Nascimento 12 de fevereiro de 2020

    O mentiroso do “exercito” disse que ele apontou a arma…

    Responder
  11. Avatar
    Alessandra 12 de fevereiro de 2020

    Esse policia não tem nada que ficar apontando arma por ai, e ou outro pra amedrontar falou que era tenente do exercito, vou ser bem sincera ele se defendeu somente, porque se analisarmos ele tentou intimidar o policial, acho que o Miguel não fez nada demais, agora o policial sim, apontou a arma pra ele,…………… assim como ele só apontou arma ele poderia ter aturado em alguém………..o equilíbrio do ser humano não se sabe………………………, O POLICIAL ESTÁ ERRADISSIMO……a policia em si quenaod faz suas BELAS ABORDAGENS, não tem termo e nem modo de falar, trata cidadãos de bem de forma estupida e grosseira………….POLICIA NO AMAZONAS PRA FALAR DE UM BOM TRATIL TEM QUE SER EXEMPLO!!!!!

    Responder
    1. Avatar
      Cleyber 12 de fevereiro de 2020

      Vai a prender a escrever analfabeto, pois só e contra polícia bandido ou drogado, noivado como deve ser vc seu babaca. Quando gente da sua espécie precisar da polícia, vai pedir socorro na boca de fumo seu pagava

      Responder
  12. Avatar
    Eduardo 12 de fevereiro de 2020

    O que vemos no vídeo é um babaca esbravejando e pedindo para tomar um tiro na cara! Não se aborda um cara armado dessa maneira sob nenhuma circunstância e não precisa ser nenhum esperto para ter essa sensatez.
    Se o PM mostrou arma para intimidar, coisa que não está registrado com imagens, apenas com a palavra do “asno”, ele também agiu errado. Arma deve ser usada para conter uma ameaça, não para ameaçar.

    Responder
  13. Avatar
    Eder 12 de fevereiro de 2020

    Vou ser bem sincero , este farsante do exército deu é sorte , se ele atravessa o carro na frente de muitos polícias padrão ele teria ido visitar o capeta mais cedo. Não teria nem tempo de falar aquela monte de baboseira que ele falou para o militar.
    Resumindo pegou um Mike Pacífico demais.

    Responder
  14. Avatar
    Giliarde Falcão Moreira 12 de fevereiro de 2020

    O pm ta erradicimo de ter deixado esse vagabundo ainda comendo Farinha concordo com vc querida pucha saco

    Responder
  15. Avatar
    Fábio 12 de fevereiro de 2020

    Eu não vi em momento algum o policial amaçar este senhor …. ridículo essa atitude, parabéns ao policial manter a calma e agora esse senhor vai ter q sofrer as consequências ?

    Responder
  16. Avatar
    Luiz Gustavo 12 de fevereiro de 2020

    Se é aqui no Rio de Janeiro, se meu carro fosse fechado, pode ter certeza que eu não ia querer saber quem é o senhor de cabeça branca, pois ele ia receber meu carregador todo na cara dele, aqui no Rio, o buraco é mais embaixo

    Responder
  17. Avatar
    Leonan 13 de fevereiro de 2020

    Adevertencia? Vem pro RJ meter a mão na camisa do PM pra ver se não fica esticado

    Responder
  18. Avatar
    Leonan Soares Ribeiro 13 de fevereiro de 2020

    Se fizerem isso aqui no RJ, vai tomar um monte de tiro. Com todo respeito ao policial, deveria no mínimo enfiado a porrada nesse cara.

    Responder
  19. Avatar
    Edson Pinheiro Silva 13 de fevereiro de 2020

    Esse velho fanfarrão deu sorte,se faz isso aqui no RJ,tomava um balaço na palhaça,iria comer capim pela raiz,cara doido,deve estar acostumado a desafiar as pessoas

    Responder
  20. Avatar
    Jeferson Rocha 13 de fevereiro de 2020

    Se ele tivesse feito isso no Rio de Janeiro, o polícia teria entupido ele de tiros

    Responder
  21. Avatar
    Jair Guedes 13 de fevereiro de 2020

    O cara que mentiu quanto a sua identidade, também pode ter mentido ao dizer que o policial apontou a arma para ele.
    Creio que ninguém em sã consciência e desarmado irá abordar alguém armado e desconhecido.

    Responder
  22. Avatar
    Cidalio Correia Lopes 13 de fevereiro de 2020

    No vídeo aparece ele tomando uma atitude contra um agente da lei que exibiu sua arma para intimidar um cidadão. Ele estava tão certo que o policial que fez isso acatou e nem se defendeu. Acho que os dois dever ser julgado no rigor da lei por seus crimes.

    Responder
  23. Avatar
    Alexandre 13 de fevereiro de 2020

    Policial é produto do ambiente em que trabalha, se fosse aqui no RJ o desfecho provavelmente seria outro. Só falta agora os dois serem fake

    Responder
  24. Avatar
    Elves 13 de fevereiro de 2020

    Deus foi sorte se fosse aqui em Goiânia – GO , estaria no colo do capela, falso Tenente de merda! A princípio nem uma outra pessoa da força de segurança jamais abordaria desta maneira! Porque sabe que vai dá merda!

    Responder
  25. Avatar
    José Carlos 14 de fevereiro de 2020

    Uma situação dessa comigo, o desfecho seria outro, pra não dizer trágico. A sorte desse suposto “tenente” é q o policial foi frouxo. Pq aqui onde moro ele não teria nem descido da caminhonete. Na hr q ele trancasse e abrisse a porta, já levaria uma sequência por cima da cara.

    Responder
  26. Avatar
    Arildo 14 de fevereiro de 2020

    Graças a Deus o PM soube realmente ter calma, agora é abrir um processo contra esse babaca pra completar a vergonha que esse mal caráter está passando, quanto a vc Larissa não deve ter idéia do certo ou errado, se fosse com um parente seu queria ver se vc comentaria assim.

    Responder
  27. Avatar
    Arildo 14 de fevereiro de 2020

    Um cidadão vc tá brincando né professor?

    Responder
  28. Avatar
    Amilton 14 de fevereiro de 2020

    Cadeia neste merda. Pra deixar De ser abusado, este lixo.

    Responder
  29. Avatar
    Carlos Alexandre Eliziário 15 de fevereiro de 2020

    Bom dia
    (….), O policial militar nas suas atribuições funcional deve, registra B.O. logo em seguida procurar advogado para representar contra esse elemento nas áreas, cível, penal pra ele respeitar e ter dignidade com as pessoas. fdp/ safado.

    Responder
  30. Avatar
    Walter charles 16 de fevereiro de 2020

    Os dois erraram e pronto siga os trâmites legais.

    Responder

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *